ESPORTES EM NÚMEROS

HOME
ATLETISMO
CICLISMO
DICAS
DIVERSÃO
JOGOS OLÍMPICOS
NATAÇÃO
NOTÍCIAS

NOVOS RECORDES

 

11/08/2005 - Notícias do Mundial de Atletismo de Helsinque

Fonte: Gazeta Esportiva.net

Gatlin vence os 200m e repete feito de Maurice Greene

Pela segunda a vez na história dos Mundiais, um mesmo atleta venceu as provas dos 100 metros e 200 metros rasos. Nesta quinta-feira, o norte-americano Justin Gatlin completou a prova mais longa em 20,04 segundos e garantiu sua segunda medalha de ouro no Mundial de Helsinque.
O segundo lugar dos 200 metros ficou com o também norte-americano Wallace Spearmon, que registrou o tempo de 20,20.segundos. Já o seu compatriota John Capel, campeão mundial em 2003, cravou 20,31 segundos e ficou com o bronze. O recorde da prova é do americano Michael Johnson, com 19,32 segundos, obtido nas Olimpíadas de Atlanta em 1 de Agosto de 1996.

Antes de Gatlin, que em Helsinque ficou com o ouro também nos 100 metros, o único atleta a realizar a dobradinha foi Maurice Greene, no Mundial de Atletismo de Sevilha, em 1999.

Holandês vence salto com vara

O holandês Rens Blom conquistou nesta quinta-feira a medalha de ouro do salto com vara ao saltar 5,80 metros. O norte-americano, Brad Walker, com 5,75 metros, e o russo Pavel Gerasimov, com 5,65 metros, completaram o pódio. O recorde da prova é do ucraniano Sergey Bubka, com 6,14 metros, obtido em Sestriere em 31 de Julho de 1994.

Jadel repete marca da primeira fase e termina na sexta colocação no salto triplo

Maior expectativa de medalha para o Brasil no Mundial de Helsinque, Jadel Gregório decepcionou. Na final do salto triplo disputada nesta quinta-feira, o brasileiro repetiu a marca de 17,20m conquistada na fase de qualificação, mas terminou a prova no sexto lugar, uma posição a menos do que nas Olimpíadas de Atenas, em 2004. A medalha de ouro foi conquistada pelo norte-americano Walter Davids, que saltou 17,57m em sua terceira tentativa. O segundo lugar ficou para o cubano Yoandri Betanzos, que conseguiu a marca de 17m42. Considerado o principal adversário de Jadel na prova, o romeno Marian Opreah também não confirmou o favoritismo. Com um salto de 17,40 em sua sexta e última tentativa, o europeu teve que se contentar com a medalha de bronze. O recorde da prova é do inglês Jonathan Edwards, com 18m29, obtido em Goteborg em 7 de Agosto de 1995.

Americana confirma favoritismo e vence os 100 metros com barreira

A norte-americana Michelle Perry confirmou o favoritismo nos 100 metros com barreira do Mundial de Atletismo de Helsinque. Dona da melhor marca do ano, Perry completou a prova em 12,66 segundos e foi beneficiada pelo acidente com a campeã olímpica Joanna Hayes, que tropeçou na penúltima barreira e não passou pela linah de chegada. A jamaicana Delloreen Ennis-London completou os 100 metros 12,76 segundos e conquistou a medalha de prata. Já a sua compatriota Brigitte Foster-Hylton registrou o mesmo tempo, mas ficou com o bronze. O recorde da prova é da búlgara Yordanka Donkova, com 12,21 segundos, obtido em StaraZagora em 20 de Agosto de 1988.

Alemã vence no arremesso de disco e conquista o bicampeonato

Já no arremesso de disco feminino, a alemã Franka Dietzsch conquistou o bicampeonato ao atingir a marca de 66,56 metros. A russa Natalya Sadova, campeã olímpica, terminou em segundo com 64,33 metros. A tcheca Vera Cechlova completou o pódio com a marca de 63,19 metros. O recorde da prova é da russa Gabriele Reinsch, com 76,80 metros, obtido em Neubrandenburg em 9 de Julho de 1988.

Conheça os recordes mundias no atletismo: Masculino / Feminino

Voltar