ESPORTES EM NÚMEROS

HOME
ATLETISMO
CICLISMO
DICAS
DIVERSÃO
JOGOS OLÍMPICOS
NATAÇÃO
NOTÍCIAS

NOVOS RECORDES

 

08/08/2005 - Notícias do Mundial de Atletismo de Helsinque

Fonte: Gazeta Esportiva.net

Campeã olímpica vence 400m

A final dos 400 metros rasos feminino não proporcionou nenhuma surpresa aos espectadores que foram ao Estádio Olímpico de Hensique, onde está sendo realizado o Mundial de Atletismo. Com um tempo de 49s55, a campeã olímpica Tomique Williams-Darling, de Bahamas, ficou com o ouro na competição. Por uma pequena diferença, a segunda colocação ficou com a norte-americana Sanya Richards, que fez 49s74. Logo atrás veio a mexicana Ana Guevara, com 49s81 que, apesar de conseguiu fazer a prova em menos de 50 segundos pela primeira vez este ano, não conseguiu levar o bicampeonato da prova. Ao final da disputa, a campeã se ajoelhou na pista e agradeceu a vitória, envolta em uma bandeira de Bahamas. O recorde da prova é da alemã Marita Koch, com 47s60, obtido em Canberra, Austrália, em 6 de Outubro de 1985.

Atleta do Bahrein fica com o ouro nos 1500m

O atleta do Bahrein, Rashid Ramzi, que tem origem marroquina, sagrou-se campeão mundial dos 1500 metros nesta quinta-feira, nas cidade finlandesa de Helsinque. Ele completou a prova em 3min37s88 contra 3min38s00 do segundo colocado, o marroquino, Adil Kaouch. A terceira posição ficou com o português Rui Silva, que fez 3min38s02. O recorde na prova é do marroquino Hicham El Guerrouj, com 3min26s00, obtido em Roma em 14 de Julho de 1998.

Jovem norte-americana vence salto em distância

Com apenas 19 anos, a norte-americana Tianna Madison fez a melhor marca de sua carreira (6,89m) e bateu a russa Tatyana Kotova, terceira colocada em Atenas, na disputa da final do salto em distância do Mundial de Atletismo, que está sendo disputado em Helsinque. Kotova saltou dez centímetros a menos que a campeã e acabou tendo que se contentar com o vice-campeonato. Fechando o pódio apareceu a francesa Eunice Barber, que marcou 6,76m. O recorde da prova é da russa Galina Chistyakova, com 7,52m, obtido em Leningrado em 11 de Junho de 1988.

Norte-americano vence 400m com barreiras

O dominicano Félix Sanchez não conseguiu realizar o sonho do tricampeonato mundial nos 400 metros com barreiras . Nesta terça-feira, o atual campeão olímpico sentiu uma contusão na coxa logo no primeiro obstáculo e abandonou a final da prova no Mundial de Atletismo de Helsinque. Sem a concorrência de Sanchez, que teve que superar as dores na coxa durante todo o campeonato e se classificou para a decisão com o pior tempo de entre os finalistas, o norte-americano Bershawn Jackson ganhou a medalha de ouro com o tempo de 47s30. O compatriota de Jackson, James Carter, chegou na segunda colocação com o tempo de 47s43 e ficou com a prata. O japonês Dai Tamesue completou o pódio com o terceiro lugar (48s10). O recorde da prova é do americano Kevin Young, com 46s78, obtido em Barcelona em 6 de Agosto de 1992.

Conheça os recordes mundias no atletismo: Masculino / Feminino

Voltar