ESPORTES EM NÚMEROS

NOVOS RECORDES

 

04/07/2008 - Tour de France: A procura de um novo herói "limpo"

Um ano após mais uma edição manchada pelo doping e vencida pelo espanhol ALBERTO CONTADOR, a 95ª edição do Tour de France começará neste sábado 5 de julho, junto a cidade de Brest, buscando consagrar um novo herói “limpo”, 22 dias depois em Paris.

Com o objetivo de reconquistar a credibilidade da prova e da modalidade, os organizadores da Grand Boucle, criada em 1903, afastaram a equipe Astana, devido a vários episódios relacionados com substâncias proibidas, e com ela ficaram também de fora CONTADOR, o alemão ANDREAS KLÖDEN e o americano LEVI LEIPHEIMER, 3 grandes ciclistas da atualidade.

Além disso, o Tour desligou-se da União Ciclística Internacional, culminando um conflito antigo, a fim de ter mais poder sobre a prova, principalmente em relação às equipes convidadas, ficando a competição sob a alçada da Federação Francesa e da autoridade antidoping local.

A organização garantiu uma vigilância redobrada e, pela primeira vez, haverá testes diretos para despistar o recurso aos hormônios de crescimento, enquanto os controles para detectar eritropoietina (EPO) serão rotineiros.

Foram realizadas cerca de 60 análises surpresa a ciclistas de todas as equipes nas semanas anteriores à largada, seguindo-se dos habituais testes sanguíneos na véspera e antevéspera da primeira etapa.

Durante a competição, os responsáveis estimam a realização de perto de 200 análises antidoping.

Saiba mais sobre o Tour de France

Voltar